top of page

Piso salarial para professores de educação física em debate na Câmara dos Deputados

 

A Comissão de Esporte da Câmara dos Deputados promoveu, na última terça-feira (9 de julho), uma audiência pública para debater o piso salarial do professor de educação física. O evento contou com a participação de representantes do Ministério da Educação (MEC), conselhos regionais de Educação Física, sindicatos de profissionais da área e outros especialistas.

O que foi discutido na audiência?

Durante a audiência, os participantes discutiram diversos aspectos relacionados ao piso salarial, como:

  • A importância da valorização dos profissionais de educação física;

  • A necessidade de garantir um salário digno para a categoria;

  • Os desafios para a implementação do piso salarial;

  • As possíveis fontes de financiamento para o piso;

  • O impacto do piso na qualidade da educação física nas escolas.


Qual a posição do MEC?

O MEC, representado pela coordenadora-geral de Valorização dos Profissionais da Educação da Sase, Maria Stela Reis, defendeu a importância da valorização dos profissionais de educação física e reconheceu a necessidade de um piso salarial digno para a categoria. No entanto, Reis ressaltou que a definição do piso é uma competência dos estados e municípios, e que o MEC atua na articulação com esses entes para buscar soluções conjuntas.


Qual o valor do piso salarial proposto?

Em abril de 2024, a Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados aprovou um projeto de lei que fixa o piso salarial do professor de educação física em R$ 3,6 mil, para uma carga de 30 horas semanais. A proposta ainda precisa ser votada pela Comissão de Finanças e Tributação da Câmara e pelo Senado Federal antes de ser sancionada pelo Presidente da República.


Qual a importância do debate sobre o piso salarial?

O debate sobre o piso salarial para professores de educação física é importante para garantir que esses profissionais recebam uma remuneração justa pelo seu trabalho, que é fundamental para a saúde e o bem-estar da população. Além disso, a valorização da categoria pode contribuir para a melhoria da qualidade da educação física nas escolas.


 

Comments


BACKGROUND.png
bottom of page